Foi sem querer | Nosso Amiguinho
    • Quando foi a última vez que você comprou um livro para o seu filho? Não deixe para depois! Visite nossa seção de l… https://t.co/Jpi7tNDEmW

      Apr 18, 2019

Foi sem querer

Tony vive aprontando. A frase que ele mais usa é: “Foi sem querer.”  É um pisão de pé aqui, um esbarrão ali. Tony também é bravo, por isso, quando algo não lhe agrada, ele não pensa duas vezes para dar uma resposta feia. E nos jogos, então, parece que Tony não aceita perder. As coisas têm sempre que ser do seu jeito e na sua hora. Apesar disso, quando Tony comete um erro e vai se desculpar, fica muito triste se alguém não o recebe bem.

Mas houve um dia em que algo curioso aconteceu: os amigos de Tony começaram a imitá-lo. No futebol, um menino passou e lhe deu um empurrão. Já na sala de aula, a colega, sem motivos, falou de forma bruta com ele. Tony não estava entendendo nada… E cada vez que alguém o maltratava, terminava dizendo: “Desculpe, foi sem querer.” No entanto, emburrado, Tony respondia: “Não desculpo, não.”

Numa tarde, ao chegar em casa, Tony contou à mãe:

– Não tenho mais amigos. Cada dia um me provoca mais e depois vem me dizer que foi sem querer.

Sua mãe, calmamente, mas com firmeza, o alertou:

– Tony, o que as pessoas estão fazendo com você é o que você faz o tempo todo. Mas seus amigos sempre lhe dão outra chance. O que você acha de fazer o mesmo? Afinal, quem gosta, perdoa.

Será que você também consegue dar uma segunda chance a alguém que lhe fez mal?

Ágatha Lemos